Bem vindo ao Boletim Policial, o seu espaço de notícias voltado a Segurança.
Para colaborar com o site, envie a sua matéria para o e-mail: agnelo.lopes@ig.com.br


quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Salvador:Bombeiro confessa que matou PM no Alto de Ondina

Sérgio Viegas (à direita) e o advogado Paulo Pires
Walter de Carvalho/Agência A TARDE

O soldado do Corpo de Bombeiros Sérgio Viegas, de 36 anos, confirmou nesta terça-feira, 23, ser o autor dos disparos que mataram o sargento PM José Evandro Pereira, 48, na última sexta, no Alto de Ondina. Ele disse que se apresentaria à Corregedoria da PM, na Pituba, acompanhado de seu advogado, Paulo Pires.

Alegando “legítima defesa”, o soldado afirmou ter atirado durante luta corporal e que “não tinha noção” que havia alvejado o colega. “Ele estava transtornado. Ou era ele ou era eu”, declarou Sérgio, contando que José teria sacado a arma primeiro.

“Eu estava no bar, bebendo, quando ele chegou transtornado, dizendo que meu carro estava atrapalhando a manobra dele”, afirmou, dizendo que até foi ao local onde estava seu veículo, mas o próprio carro do sargento o impedia de tirá-lo do local.

“Pensando em evitar o pior, eu retornei. Foi quando ele foi em sua residência e voltou me agredindo”, conta. Segundo ele, após ser agredido verbalmente, ter desviado de um murro do sargento, e José ter sacado a arma, ele pegou a sua e abriu fogo. “Não sabia se ele tinha sido atingido ou não”, disse, salientando que ficou abalado com a situação.

Bombeiro há 14 anos, Sérgio afirma que nunca esteve envolvido em nenhum processo administrativo e que foi a primeira vez que atirou contra uma pessoa. De acordo com ele, sua família não tinha proximidade com o sargento. “Ele só era conhecido de bairro”.

Sérgio garante ainda que prestará todos os esclarecimentos à Justiça e que lamenta pelo fato. “Eu fico muito triste pela família. Só quem perde são os familiares”.

Família abalada - Os familiares da vítima falaram que bombeiro queria “se mostrar” para amigos e que por isso iniciou a briga com José, resultando no homicídio.

Fonte: A Tarde

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Bahia:Policiais Militares terão novos uniformes para o Carnaval 2011

Novo Fardamento

Novos Equipamentos

Fardamentos em tecido Hip Stop, capacetes mais leves com faixa reflexiva, cinto tático, coldre de perna multiuso ambidestro e coturnos com amortecedores e zipper embutido, farão parte dos novos uniformes e equipamentos que serão utilizados pelos policiais militares baianos a partir do carnaval de 2011. A novidade inclui pistolas modelo PT 840 (com nova tecnologia) e o gorro de pala, que substituirá a boina nos uniformes operacionais

Segundo o Chefe da Unidade de Material e Patrimônio do Departamento de Apoio Logístico, Capitão Fábio Rodrigo as novas aquisições oferecerão mais conforto e segurança à tropa, além de atender aos requisitos técnicos facilitadores da atividade policial.

A previsão é que em janeiro de 2011 os materiais sejam disponibilizados a todos policiais militares pelo Departamento de Apoio Logístico da PM, o que não ocorre desde 1998, ano de substituição do antigo fardamento na cor azul. A incrementação dos novos acessórios integra o projeto da Comissão de Uniformes da PMBA, presidida pelo Coronel Francisco Teles, com a participação da designer de moda, soldado PM Lívia Chaves

Fonte:pm.ba.gov.br

Juazeiro:Policia Civil prende 1Kg de Cocaína

Janiel Miranda Dias
Droga apreendida pela PC

Policiais Civis da DRFR de Juazeiro – Bahia, comandada pelo Delegado Titular Nélio Ferreira Neves, após realização de diligências, na Rua Tancredo Neves, Bairro Jardim São Paulo - Juazeiro - BA, nesta segunda-feira (22.11.2010) conseguiram apreender no interior da residência um (01) quilo de cocaína.

Segundo o delegado Nélio, após uma ligação telefônica anônima, a qual informava que no endereço anteriormente mencionado, a pessoa conhecida por JANIEL estaria utilizando o local para guardar drogas, tendo uma equipe desta especializada deslocada ao local citado e após busca nas imediações, foram encontrados no interior de uma residência, escondida em uma mochila preta, embaixo de um sofá e em um guarda roupa, cerca de um quilo de cocaína, além de uma balança digital de precisão.

A residência em que foi encontrada a droga pertence ao casal NADJA DOS SANTOS BERNARDES DIAS e DAVID MIRANDA DIAS, porém os mesmos afirmaram que não tinham conhecimento que a droga estava guardada em sua residência, informando que a pessoa de JANIEL MIRANDA DIAS tinha acesso livre ao imóvel pelo fato de ser irmão de DAVID.

O Delegado salienta ainda que NADJA manteve contato com JANIEL através de um telefone celular e este realmente confirmou que a droga lhe pertencia e que iria se apresentar espontaneamente a Delegacia de Polícia, fato este que ocorreu por volta das 11:00 horas e após ser interrogado, o mesmo foi encaminhado para o Conjunto Penal de Juazeiro, sendo autuado por tráfico de drogas.

Fonte:;Portal de Campo Formoso

Vitória da Conquista:PRF apreende 20 quilos de pasta base de cocaína

Uma fiscalização da Polícia Rodoviária Federal na Bahia (PRF-Ba) apreendeu, na manhã desta segunda-feira, 22, 20 kg de pasta base de cocaína no km 871 da BR-116, em Vitória da Conquista. É a maior apreensão já feita deste tipo de entorpecente na Bahia, segundo informações da PRF.


Viviane foi presa em flagrante; Foi a maior apreensão de pasta base de cocaína na Bahia
Ainda de acordo com o órgão, o entorpecente estava na bagagem da passageira Viviane Roberta Alves da Silva, de 27 anos, que viajava no ônibus da empresa São Geraldo de São Paulo para Maceió. A acusada informou aos policiais que receberia R$ 3 mil pelo transporte do entorpecente.

Estima-se que a droga apreendida, após desmembrada, poderia produzir 12 mil pedras de crack ou 160 kg de cocaína, podendo chegar a um montante de R$ 1,2 milhão.


Viviane foi presa em flagrante por tráfico de drogas e encaminhada à polícia judiciária local.

Fonte:Redar64

Tapiramuta:Policia Civil prende suspeitos de atentado contra a Depol

Edvan,Juliana e Sidiclecio
Drogas Apreendidas pela policia

Vinte e Quatro Horas após ao atentado a bala contra o predio da Delegacia de Policia de Tapiramuta,ontem 22/11 por volta das 21.00h os agente do serviço de investigação da 16ª Coorpin com apoio do GAT ( Grupo de Apoio Tatico) que estavam investigando o caso, sob o comando do Bel Henrique Moraes prenderam três pessoas por suspeita de participarem do atentado, e em flagrante por trafico de drogas,sendo elas, Edvan Alves Queiroz de 29 anos tendo passagem na penitenciaria Lemos de Brito por assalto a mão armada,onde cumpriu pena durante cinco anos, sua esposa Juliana de Alcântara Paixão dos Santos 22 anos e Sidiclecio Alves dos Santos 26 anos,após investigações ao se aproximarem da Residência de Edvan, Situada a Av Drº José Nery naquele Municipio,o mesmo percebendo a presença dos policias, com ajuda da sua esposa tentou esconder no quintal da casa vizinha uma certa quantidade de Maconha,foi quando os agentes efetuaram a prisão,posteriormente também prenderam Sidiclecio,identificado como distribuidor da droga naquele Municipio,os envolvidos foram encaminhados para a sede da 16ª Coorpin onde foram autuados em Flagrante e estão a disposição da Justiça.

Polícia já identificou três suspeitos de sequestrar e decapitar jovens

A polícia identificou nesta segunda-feira (22) três suspeitos de terem sequestrado e decapitado as adolescentes Janaína Cristina Conceição, 16 anos, e Gabriela Alves Nunes, de 13, encontradas mortas na madrugada do último sábado. Segundo policiais da 4ª Delegacia, responsável pela investigação, "Iso", "Lequinho" e Adriano têm passagem pela polícia e são ligados ao tráfico na Rocinha da Divinéia. O delegado Omar Andrade preferiu manter os nomes completos dos envolvidos em sigilo.

Nesta segunda, parentes das garotas passaram o dia prestando depoimento na 4ª Delegacia. Maria Fernandes, avó de Gabriela, contou à TV Bahia como foi seu último contato com a neta: "Eles diziam assim: Estou aqui com elas duas aqui. Ela dizia assim, "Ô, minha avó, to aqui toda cortada, eles me cortaram toda. Se a senhora não me der R$ 50 mil, eles vão me matar".

Os computadores usados pelas adolescentes serão periciados, em busca de pistas sobre o caso, já que se acredita que elas possam ter marcado algum encontro com pessoas que conheceram pela internet.
O carro usado no crime, um Fiat Punto de placa JRZ-2320, foi roubado no IAPI na mesma noite em que os corpos das jovens foram abandonados no bairro de San Martin. As garotas teriam sido vistas com vida pela última vez no IAPI, segundo testemunhas que prestaram depoimento nesta segunda-feira.
O secretário de segurança pública César Nunes disse acreditar que a brutalidade do crime indique o envolvimento de traficantes no caso. "Traficantes que estão impondo ainda mais o terror pela violência", declarou. A polícia realizou nesta segunda-feira uma perícia no local onde as meninas foram executadas, em Nova Divinéia, onde encontraram chinelos pertencentes à Janaína e pedaços de pau sujos de sangue, além de fios de cabelos que passarão por exames.

Policial baiano é destaque em curso de tiro na Swat

O investigador e instrutor de tiro da Polícia Civil da Bahia, Álvaro Moraes de Castro, obteve o primeiro lugar no Curso de Tiro de Combate Avançado, realizado no Lake Technical Center, Institute of Publica Safety, da Swat Combat Shooting, em Orlando, Florida, Estados Unidos, entre os dias 7 e 13 de novembro últimos. Apontado como um dos destaques entre os participantes do treinamento, o profissional baiano foi homenageado pelas instituições americanas promotoras do evento com duas placas e três certificados.

Com duração de 80 horas, em tempo integral, o curso foi ministrado durante sete dias pela equipe de instrutores de tiro da Swat de Orlando, que concedeu a Álvaro de Castro o certificado “Top Gun”, por ele ter obtido o primeiro lugar na avaliação da turma. O certificado refere-se ao policial como um homem de “mente clara e mão firme”.

O curso na Swat Combat Shooting incluiu a utilização do equipamento “taser” - pistola que dispara dardo e paralisa as ondas cerebrais da pessoa alvejada -, manuseio de diversas armas, como pistolas, espingardas e fuzil semi-automático Barett, de calibre ponto 50, arma militar. Na etapa final do treinamento, o investigador baiano participou de um curso de simulação de combate em ambiente confinado, com a missão de desalojar um indivíduo suspeito.

“Considero o curso muito proveitoso para minha atividade profissional, e agradeço a oportunidade que me foi proporcionada pela Secretaria da Segurança Pública e a Polícia Civil da Bahia, de constatar como é feito o treinamento de tiro em outro país”, afirmou o investigador da COE (Coordenadoria de Operações Especiais), de 68 anos. Álvaro é credenciado pelo Exército e Polícia Federal, para atividades de instrução de tiro, recarga e munição, atirador e tiro prático.

Além de receber certificados fornecidos pela U.S. Police Instructor Teams, assinados pelo instrutor sênior David Pelton e o chief de instructor Richard Rippy, o investigador da COE acompanhou dentro de uma viatura uma patrulha feita pelo xerife de Orlando e sua equipe, pelas ruas de um dos bairros mais movimentados daquela cidade americana. Quatro delegados e dois peritos médico legal, da Bahia também participaram do Curso de Tiro no Lake Technical Center, Institute of Publica Safety.

Fonte:Rota Policial

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Jacobina:PETO prende Homem por tentativa de Estupro

Carlos de Souza Silva 26anos

Por volta das 23.00hs do dia 21/11,uma Guarnição do PETO ( Pelotão Tatico Especial) foi acionada pela CENOP após ligações de populares,onde estaria acontecendo uma possível tentativa de estupro na Localidade conhecida como Anadisor próximo a Jacobina II,chegando ao local e ao constatar o fato,foi preso Carlos de Souza Silva de 26 anos,natural de Salvador BA Residente na Localidade de Anadisor,o mesmo tentou estuprar a Srª L. F S. de 22 anos Residente no mesmo local,segundo informações da vitima,Carlos chegou em sua Residência por volta das 22.30h,dizendo que a esposa do mesmo gostaria de falar com L. em sua casa,no trajeto em um Local com pouca Iluminação, Carlos começou a Rasgar as Roupas da vitima tentando estrupra-la,foi quando populares ouviram os gritos de socorro e Ligaram para a Policia Militar,o autor do fato foi encaminhado em flagrante delito para o Complexo Policial de Jacobina , juntamente com a vitima e apresentado ao Bel Henrique Moraes para as devidas providências Legais.

A LUZ DA LEI:

Segundo a Lei 12.015 de crimes ediondos, em seu ART 213 diz:

Constranger alguém,mediante violência ou grave ameaça,a ter conjunção carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso:

Pena- reclusão, de 6(seis) a 10(dez) anos.

1º se da conduta resulta lesão corporal de natureza grave ou se a vitima é menor de 18(dezoito anos ou maior de 14( catorze) anos:

Pena- reclusão de 12(doze) a 30( trinta) anos

Tapiramutá: Delegacia é alvo de tiros por desconhecidos

Ontem, 21 por volta das 23h à delegacia da Policia Civil do município de Tapiramutá foi alvo de vários disparos de arma de fogo por elementos até o momento não identificados.

De acordo com informações, uma ligação anônima teria informado aos policiais militares da cidade que um acidente grave com vitimas tinha acontecido em um povoado denominado Volta Grande, interior do município, pedindo inclusive o apoio de uma ambulância no local, os militares teriam se deslocado para prestar o suposto socorro, deixando a cidade desguarnecida para que os autores pudessem efetuar os disparos contra o prédio da delegacia.

Ninguém ficou ferido, mas os tiros causaram estrago nas paredes e janelas que tiveram seus vidros quebrados. A delegada do município, Dra. Barbara Lima deve iniciar uma investigação sobre o fato ainda nesta segunda feira. Peritos do Departamento de Policia Técnica da 16ª Coorpin estão sendo aguardados para realizar pericia no local.

Fonte: O Povo Quer Saber

domingo, 21 de novembro de 2010

Rio:Flagrante em rinha de galo em Itaperuna termina com 77 presos

Setenta e sete pessoas foram presas em flagrante em Itaperuna, Norte Fluminense, durante a realização de uma rinha de galo. O incidente ocorreu neste sábado e o Batalhão de Polícia Florestal e de Meio Ambiente chegou ao local graças a uma denúncia anônima do Disque Denúncia.

Foto: Divulgação
Suspeitos participavam de rinha de galo e foram surpreendidos por agentes do

Batalhão de Polícia Florestal e de Meio Ambiente | Foto: Divulgação

No local, a polícia encontrou três arenas de briga, 70 galos e R$16.360 no montante de apostas. Todos os envolvidos foram conduzidos para a 143ª DP (Itaperuna) e liberados.

Foto: Divulgação
A polícia encontrou três arenas de briga, 70 galos e R$16.360 no
montante de apostas | Foto: Divulgação

Fonte:O Dia

Aviação policial – Um ato de coragem


No período de 17 a 25 de agosto de 2003, estávamos cumprindo missão no Estado de Pernambuco na região do polígono da maconha, tendo como base a cidade de Salgueiro. Apoiávamos as atividades desenvolvidas do Núcleo de Operações Especiais – NOE da Polícia Rodoviária Federal daquele estado.

Nossa tripulação era composta por mim (Alver Sathler) como comandante, pelo Co-piloto/PRF Claudinei, pelo OEE/PRF Basílio e pelo Mecânico/PRF Ênio na aeronave “Patrulha 08”, EC 120 Colibri, matrícula PR-FPM. Neste período, em missão no “Patrulha 08”, o piloto Claudinei estava sendo avaliado para o check de comando da aeronave citada.

Na tarde do dia 20 de agosto de 2003 avistamos, próximo da rodovia federal, uma grande roça de maconha que ainda não tinha sido colhida. Como estávamos em operação há alguns dias, todas as roças avistadas já tinham sido queimadas em virtude da Polícia Federal estar fazendo o combate concomitantemente.

No avistamento desta roça uma coisa nos chamou atenção, havia uma lona azul na lateral da roça e junto a ela foram observados 3 indivíduos que estavam preparando o que parecia ser maconha. Como a área da roça estava bem próxima da rodovia informamos a equipe de terra e passamos a orientar as viaturas para que pudessem chegar ao local.

Foram 40 minutos de sobrevôo até que as viaturas chegassem próximo do local e passassem a caminhar até o local indicado pela aeronave. Durante o período de movimentação das viaturas até o local permanecemos fazendo sobrevôo do local sem perder de vista os indivíduos e as equipes de terra.

Quando as viaturas chegaram ao local mais próximo foi dado orientação pela aeronave que o melhor seria prosseguir caminhando por trilha. As equipes se dividiram e chegaram local indicado pela aeronave. Neste momento a aeronave se encontrava sem uma boa posição de observação e foi solicitado, por mim, ao co-piloto Claudinei, que o mesmo procedesse um giro de 360º sobre o cenário da operação e que retornasse a aeronave à posição original.

OS TIROS

Enquanto estávamos perfazendo a órbita estipulada descemos mais um pouco em altura para observar melhor o local, ainda mais que as equipes em terra tinham transmitido a informação que o local se encontrava vazio e que os indivíduos tinham se evadido. Mais ou menos na metade da órbita estipulada escutamos estouros como de “pipoca em panela” e como uníssonos todos a bordo falaram “estamos tomando tiro”.

A EMERGÊNCIA

Neste momento assumi os comandos da aeronave, já que por procedimento de segurança tínhamos brifado que em qualquer situação de emergência eu assumiria os comandos. Os tiros provocaram vários furos na aeronave e com isso o som do ar dentro da aeronave modificou e passou a ser igual, idêntico ao barulho de perda de motor e passei por um conflito mental, se de um lado o ouvido dizia para o meu cérebro que a turbina tinha sido perdida (assimilados por vários treinamentos do procedimento de emergência) do outro meus olhos viam o VEMD “todo dentro”, com os arcos no verde, sendo que, mesmo assim, minha mão já tinha colocado o coletivo para baixo e pronto para auto-rotação.

Neste instante o OEE Basílio me avisa daquilo que eu não tinha me apercebido. Eu tinha levado um tiro. Olhei para o meu braço direito e para minha surpresa meu cotovelo tinha virado uma “flor”, estava totalmente aberto. Neste momento infinitesimal que eu olhei meu braço, vendo-o ferido e sem sentir nada pensei: “Se eu tomei um tiro e não senti, meu co-piloto tá morto e não sabe”.

A CONSCIÊNCIA DOS FATOS

Olhei para o lado e vi os olhos do Claudinei. Perguntei: “Você tá bem?” Ele afirmou com a cabeça e eu disse: “Assume”. Quando ele pegou nos comando recolhi meu braço direito usando a mão esquerda para puxá-lo. O piloto Claudinei assumiu com a postura e a firmeza padrão de um grande comandante. Fez fonia chamando o “Caçador” da Polícia Federal que estava próximo da região para dar apoio às equipes de terra, tirou a posição do GPS para reportar a outra aeronave e assumiu a aeronave para resolver.

Decidimos que o melhor local para me levar seria a cidade de Salgueiro que era a maior na região e tinha apoio de hospital para os primeiros socorros. Salgueiro estava a pouco mais de 13 minutos de vôo e que 13 minutos demorados. Nos primeiros 5 minutos do tiro você não sente nada. Utilizei esse tempo para ligar, via celular, para o meu pai que é médico, pedindo para ele providenciar uma equipe de apoio em Recife. Liguei para minha esposa para avisá-la que estava bem e “só” tinha tomado um tiro.

Fiz isto porque mulher de polícia quando descobre que o marido levou o tiro, na verdade ele já tá morto e só estão contando aos poucos para ela. Passados os 5 minutos a dor veio com força. É fácil caracterizá-la. Coloque seu braço num torno e comece a apertar, quando começar a doer em vez de parar continue apertando, é a mesma sensação.

O SALVAMENTO

Os colegas Basílio e Ênio providenciaram um torniquete para estancar o sangramento, pois já podíamos ver o piso da aeronave completamente cheio de sangue. Durante o vôo a dor foi aumentando consideravelmente e comecei a perder a consciência. Os colegas ficaram preocupados e gritavam comigo para eu manter-me atento e faziam-me repetir várias vezes meu nome, minha matrícula, meus telefones para que minha mente se mantivesse acordada. O que sentia era uma dor tão forte que os olhos iam fechando de dor.

Quando chegamos próximo a Salgueiro disse para o comandante Claudinei que ele estava autorizado a fazer um pouso direto na delegacia da Polícia Federal, tendo em vista que tínhamos operado naquele local por vários dias e ele conhecia bem a área de pouso. Há um minuto fora eu apaguei de dor e só acordei com aeronave pousada. A saída do banco para a maca foi um momento muito dolorido, pela mudança de posição e pelo braço que estava totalmente triturado do cotovelo até metade do braço. Fui levado por uma ambulância para o hospital de Salgueiro e lá me disseram que só tinha uma coisa a ser feita: Amputar.

Como ainda estava acordado disse que não permitiria e pedi que me transferissem para Recife para outro tipo de atendimento. Fui transportado pelos irmãos da Polícia Federal no “Caçador” tendo como comandante o amigo Álvaro e seu tripulação. Depois fui transbordado para o Sêneca da PRF e chegamos a Recife. De lá fui transferido no outro dia para Brasília e passei por duas cirurgias para reconstrução do braço.

A TRAJETÓRIA DO TIRO

Não comentei, mas o tiro antes de atingir o braço passou pela perna direita e graças a Deus só atingiu a musculatura o que não ocasionou nenhum mal maior. Não percebemos que tínhamos passado sobre o traficante que estava escondido debaixo de uma árvore. Ele descarregou um AK 47 de baixo para cima no nosso helicóptero, sendo que os tiros foram todos do meio para trás da aeronave.

ATUALMENTE

Passei dois anos em tratamento, mas não consegui voltar toda a amplitude do braço e com isso fui aposentado. A aposentadoria não foi integral, nem em paridade com quem está na ativa, isto por visão da Administração da PRF que não achou que tudo isto tenha sido “acidente em serviço”, porém isso é uma outra história.

O APRENDIZADO

Deste grande fato que aconteceu na minha vida gostaria de tirar algumas reflexões:

1. Valorize sua tripulação em cada atitude, pois todos são fundamentais, se não, não estariam a bordo.

2. Não “pague pano preto” para o seu co-piloto, ensine tudo para ele, pois pode ser ele o comandante que irá te levar, a salvo, para o solo.

3. Não deixe para ensinar depois, pois pode ser tarde.

4. Agradeça a Deus cada pouso e saiba que eles só aconteceram por causa Dele.


Fonte:anjosguardioes.com

Artigo:Em busca de uma Polícia verdadeiramente cidadã


Vários fatores contribuem para o aumento desenfreado da violência e criminalidade no nosso país que traduz a crescente sensação de insegurança existente, contudo, o ponto nefrálgico de cobrança do povo em geral, é sempre a Polícia.

Realmente parece ser a Polícia a única responsável pela segurança da população, mas não é. Em verdade, apenas tem a instituição policial a função mais árdua de todas, porque atua na prevenção e na repressão ao crime, na garimpagem de criminosos e na execução da lei penal, a fim de torná-la efetiva ao exigir o seu cumprimento objetivando auxiliar a Justiça penal a solucionar os diversos conflitos inerentes.

A nossa Carta Magna vigente estabelece que a segurança pública é dever do Estado, direito e responsabilidade de todos, assim, como pode ser percebido, a chamada Constituição cidadã, alicerçada no binômio direito e responsabilidade, embora imputando ao Estado o encargo principal, chama a população à co-participação para tão importante situação.

Atualmente, porém, é lugar comum a atribuição de culpa exclusiva ao Estado, mais de perto à Polícia, pela situação vexatória na qual nos encontramos. Fala-se sempre no direito à segurança, o que é correto, mas nunca na responsabilidade de todos no que tange ao tema. Aqui, mais uma vez, o pensamento liberal parece ser reinante, pois o direito é alardeado, enquanto a responsabilidade, esquecida.

Além da responsabilidade esquecida, para complicar ainda mais a situação, o povo generaliza que a Polícia é ineficiente, corrupta e corruptível, que todo policial é ignorante, arbitrário e irresponsável, quando na verdade, de uma maneira geral, tais entendimentos não passam de pensamentos ilógicos e insensatos, pois a Polícia também evoluiu com o tempo, não estagnou como continuam em teimar com tais concepções retrógradas.

A questão da violência policial de outrora que ultrapassaram todos os limites dos direitos do cidadão quando da ditadura militar que assolou o país por muito tempo, trouxe pechas marcantes e desagradáveis para a Polícia atual, pois daí nasceu o estigma da expressão polícia-repressão que foi passando de geração até os nossos dias. Repressão esta que não era em sentido de reprimir o crime e sim como sinônimo das atrocidades que ocorriam nos porões dos departamentos policiais, através das práticas de tortura e até desaparecimento de opositores ao regime do governo ditatorial. Pessoas não criminosas, e sim revoltosas, quedaram violentadas nos seus direitos fundamentais nas mãos da polícia ditatorial, da polícia-repressora, que ao invés de ser o órgão de conservação e garantidor da paz e da tranqüilidade pública, na verdade era o braço humano utilizado pelo governo nessas práticas covardes.

Esta espécie de tatuagem ideológica ainda não fora removida da mentalidade do nosso povo. Diminuída, humilhada, submetida, à polícia só restaram as críticas, as denúncias, as desconfianças, os despojos, o lixo proveniente das duas décadas do golpe militar.

O conjunto das regras que garante a segurança e a ordem que rege os atributos da Polícia se confundem com esses problemas citados e cria os preceitos verdadeiros de que vivemos uma atividade desprezada, uma função incompreendida, uma trajetória ilógica, uma vida atropelada dentro de uma classe tão humilhada.

Repensar esses conceitos irracionais é resgatar o próprio bem estar da coletividade. É lutar para que haja uma maior união e interatividade entre o povo e a sua Polícia. É sonhar que um dia haja a confiança do cidadão nas ações da sua Polícia. É ter esperança que em breve a sociedade possa ter a Polícia como sua amiga, como sua aliada no combate ao crime e no cumprimento das leis.

A Polícia cidadã, acima de tudo, é a guardiã da sociedade e da cidadania. No seu cotidiano o policial investiga, protege o bem, combate o mal, gerencia crises, aconselha, dirime conflitos, evita o crime, faz a paz e regula as relações sociais. O policial é também o sustentáculo das leis penais e deve seguir sempre o princípio primordial de jamais colocar as conveniências da sua carreira acima da sua trajetória moral.

Entendemos então que a Polícia cidadã que nasceu com a atual Constituição e ainda não se firmou apesar de mais de duas décadas de existência e tentativa, é o elo de boas ações que estabelece um sincronismo entre o seu labor direcionado verdadeiramente a serviço da comunidade.

Concluímos assim, que remediando esses males elencados, com a ajuda e a conscientização de todos os segmentos possíveis, teremos então uma Polícia verdadeiramente cidadã saída da teoria para a prática, que por certo alcançará os seus objetivos com mais presença para oferecer uma conseqüente melhor segurança pública para a sociedade.

Por: Archimedes Marques, Delegado de Polícia no Estado de Sergipe, Pós-Graduado em Gestão Estratégica de Segurança Pública pela UFS

Mirangaba:Homem é preso por tentativa de Homicidio

Aloisio Izidoro de Souza

Nesta Sexta Feira,por volta das 17.30h uma Guarnição da Policia Militar de Mirangaba,com apoio da Guarda Municipal,conseguiu prender Aloisio Izidoro de Souza,62 anos natural de São José de Piranhas PB,o mesmo desferiu golpes de faca tipo Peixeira contra,Luciano Santos Silva de 25 anos natural de Jacobina, o fato ocorreu na fazenda José Domingos, divisa do município de Mirangaba com
Jacobina,segundo Informações a tentativa se deu por conta de uma Rixa entre Aloisio e Luciano,que foi Levado para o Hospital de Mirangaba para os devidos atendimentos e posteriormente transferida para Jacobina, Aloisio foi conduzido ao complexo Policial de Jacobina para os devidos procedimentos Legais,ao chegar os policias ficaram informados que o mesmo já responde por homicídio fato ocorrido em Jacobina BA.

Campo Formoso:Polícia Militar desarticula quadrilha

Meliante Morto na Troca de Tiros
Moto que era utilizada pelos Meliantes
Armas Apreendidas

Por volta das 15h30min, do dia 19 de novembro do ano de 2010, foi realizado uma operação juntamente com a Polícia Civil, no intuito de desarticular uma quadrilha que vinha aterrorizando a população do povoado de Araras e regiões circunvizinhas da Cidade de Campo Formoso-BA, com práticas de homicídios, assaltos e estupros. Na chegada ao Povoado de Araras, os policiais fizeram uma abordagem em um e foram surpreendidos por 03 (três) indivíduos que estavam numa motocicleta, os quais já chegaram atirando nos policiais que revidaram, havendo uma intensa troca de tiros, momento em que um dos meliantes foi atingido, este identificado como ELIMAURO GOMES DA SILVA, 31 anos, natural de Campo Formoso- BA, vulgo “Gonzaga”; este com ferimentos, onde a guarnição providenciou socorro ao meliante ferido que não resistiu e veio a óbito. Na troca de tiros, 2 policiais foram atingidos por disparos de armas de fogos, um foi atingido de raspão na barriga e o outro atingido na mão esquerda, onde foi encaminhado ao Hospital São Francisco, ambos encontram-se fora de risco de vida.

Os demais meliantes conseguiram se evadir, um deles tendo sido alvejado, identificado como NIELSON SANTOS DA SILVA, 21 anos, natural de Campo Formoso-BA, vulgo “Peixe”, tido como chefe de uma quadrilha que atuava naquela região, e o outro identificado como vulgo ”Aloísio”; já com reforço de outra guarnição, nas primeiras horas da madrugada continuaram as diligências ao povoado de Araras, sendo encontrado o meliante vulgo “Peixe”, já por volta das 07h de hoje, o qual ferido deixou rastro de sangue até uma casa abandonada, onde se homiziou; que lhe foi dada a voz de prisão, mas o mesmo não se entregou, sendo necessário arrombar a porta de entrada, quando o mesmo portando 02(dois) revólveres Cal. 38, deflagrou vários tiros contra os Policiais, que revidaram e conseguiram alvejar aquele meliante, o qual ainda com vida foi socorrido ao Hospital São Francisco desta Cidade, onde não resistiu e veio a óbito. O terceiro meliante identificado como vulgo “Aloísio” foragido da Penitenciaria Lemos de Brito, onde cumpre pena por crime de assalto a mão armada, conseguiu foragir. As armas apreendidas foram as seguintes: 03(três) revólveres Cal. 38 com numeração 1540706, JK 390225 e outro com numeração ilegível, todos entregues na DEPOL de Campo Formoso.

Fonte:Portal de Campo Formoso


Mulher de 60 anos é presa acusada de fazer abortos ilegais em Araci
















A dona de casa Valdete Souza dos Santos, de 60 anos, foi presa, na tarde desta sexta-feira, 19, por volta das 17h00m, na cidade de Araci a 42 km de Serrinha, acusada de fazer abortos em sua própria casa. Valdete Souza vinha sendo investigada havia três meses, após várias denúncias anônimas feitas à polícia.

Na casa dela, localizada na Rua São José, no bairro do Coqueiro, foram encontrados medicamentos anti-hemorrágicos, seringas, instrumentos para aplicação de soro, curetas, pinças, medidor de tensão e sondas. Todo esse material era utilizado na prática ilegal de procedimentos ginecológicos. Alguns dos instrumentos estavam sujos de sangue, e no local a total falta de higiene.

A prisão preventiva e o mandado de busca e apreensão foram expedidos pelo juiz titular da comarca de Araci. Após ser interrogada pelo delegado Getulio Queiroz Paranhos, a acusada foi levada para o Centro de Detenção da delegacia de Teofilândia onde está presa aguardando decisão da Justiça.

Fonte:Blog do Clériston

Salvador:Policial civil é assassinado próximo à Rodoviária

Ilustração Boletim Policial

Um Policial Civil foi assassinado na madrugada deste sábado, 20, em um posto de combustível que fica ao lado da Rodoviária de Salvador. O policial se dirigia à loja de conveniência do posto quando dois homens atiraram contra ele. Marcos Vinícius da Rocha Souza, 34, era lotado na 16ª Delegacia, na Pituba. A polícia ainda investiga a autoria e a motivação do crime.

Também é apurada a morte do primeiro sargento da Polícia Militar José Evandro Pereira, 48 anos, morto a tiros por volta das 19h30 da sexta-feira, 19. A polícia também não sabe quem cometeu o crime, que aconteceu num bar próximo a casa do PM, na Rua Capitão Aristeu, no Alto de Ondina, em frente ao Batalhão do Esquadrão Águia, da Polícia Militar, e a menos de 1 km do Palácio de Ondina, residência oficial do Governador do Estado.


Testemunhas disseram que o sargento, que será enterrado no município de Serrinha, foi assassinado por três homens que se aproximaram, em duas motocicletas, e dispararam várias vezes, atingindo-o no braço, abdomen e tórax, quando ele efetuaram os disparos no momento em que ele bebia cerveja no bar, que fica em frente à sua residência. Segundo a Central de Telecomunicações das polícias Civil e Militar (Centel), José Evandro foi socorrido por vizinhos e encaminhado para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas chegou ao local sem sinais vitais.

Apesar de a polícia não ter confirmado se há suspeitos no caso, testemunhas disseram que um dos autores dos disparos seria um policial do Corpo de Bombeiros, não identificado, com quem o primeiro sargento teve uma séria discussão há alguns dias. Ainda de acordo com a PM, José Evandro trabalhava internamente na 1ª Companhia Independente de Polícia Militar e não estava envolvido em nenhum caso que poderia ter motivado o crime.


Fonte: A Tarde

Eunapolis:Casal custeia gravidez de menina pra ficar com bebê

Inspetor Claudio Santos da PRF e a professora Adriana Machadao em posse do Bebê

Um músico e uma professora universitária foram presos no fim da tarde desta quinta-feira (18), na BR-101, em Eunápolis, sob a suspeita de estarem sequestrando um bebê de três dias.

Jeferson Costa Fonseca, 33 anos, e Adriana Machado de Souza, 41, seguiam com a criança em um Fiesta preto. O destino era o Rio de Janeiro.


Os agentes da Polícia Rodoviária Federal foram avisados pela polícia de Aurelino Leal, no Sul da Bahia, de que o casal tinha sequestrado um bebê na cidade. A mãe fez a denúncia.


A princípio, segundo o inspetor Cláudio Santos, da PRF de Eunápolis, eles negaram o crime e chegaram a mostrar uma certidão de nascimento, para comprovar que seriam os pais.


Não demorou muito para a polícia descobrir toda a história. Jeferson e Adriana, na verdade, não eram os pais do bebê.


‘Eles custearam toda a gravidez de uma adolescente de 16 anos, com alimentação, remédios e outros recursos, com a promessa de que a mãe lhes entregaria o bebê’, afirma o policial.


O último mês de gravidez da jovem no município do Sul da Bahia foi acompanhado pessoalmente pelo casal. Após o nascimento, eles conseguiram registrar a criancinha no cartório de Ubaitaba, um município vizinho, como se fosse seus.


Só que a mãe biológica se arrependeu e logo que o músico e a professora deixaram a cidade, foi à delegacia e registrou uma queixa de sequestro.


O bebê, que está em boas condições de saúde, foi encaminhado pelo Conselho Tutelar para a Creche S.O.S Vida, de Irmã Terezinha, onde vai passar a noite. Nesta sexta, policiais civis e conselheiros tutelares de Aurelino Leal virão buscá-la.


O delegado Rodolfo Faro informou ao RADAR64 que o casal foi autuado em flagrante com base no artigo 242 do Código Penal (registrar como se fosse seu, filhos de outrem). A pena prevista, em caso de condenação, varia de dois a seis anos de prisão.


A polícia agora vai investigar como o casal obteve a guia de nascimento, um documento da maternidade, com o qual é feito o registro no cartório.



Casal foi autuado em flagrante por registrar como seu, filho de outra pessoa
Foto: Hugo Santos | RADAR64
Adriana e Jeferson não quiseram dar entrevista ao RADAR64, mas teriam dito a um policial rodoviário que a adolescente não tem pais e que pretendia, já aos dois meses de gestação, fazer um aborto.

Ainda de acordo com o policial, a professora estava tomando um medicamento para forçar o organismo a produzir leite e deixar transparecer que estava lactante.

Jeferson é natural de Aurelino Leal, mas mora no Rio de Janeiro com a mulher. Como não conseguiam ter filhos, ele pediu aos parentes no município baiano para providenciar um. Em vez de seguir os procedimentos legais de uma adoção, eles resolveram agir à margem da lei.

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Irecê:CONHEÇA OS FUGITIVOS DA CADEIA PUBLICA








Fonte:ESEQUIAS DOURADO DRT 4182/99-BA.

Araci: polícia apresenta acusados de abusar sexualmente uma deficiente mental


Investigadores da Delegacia de Araci, a 42 quilômetros de Serrinha, apresentaram na tarde desta quinta-feira (18) os três homens acusados de abusar sexualmente de uma menina de 12 anos.

O lavrador Romilson Costa Carvalho, conhecido como “Ró”, 37 anos, foi preso nesta segunda-feira (15). Ele foi acusado de envolvimento no crime de abuso sexual que tem como vítima a garota de 12 anos que é portadora de deficiência mental, no povoado de Pedra Alta, distante 36 quilômetros da sede do município de Araci.

Já estavam presos pelo mesmo crime, Martinho Barreto de Santana, “Tinho”, 41, natural de Araci, e Jorge Barreto Ramos, “Gui”, 44 anos. Os três homens vinham abusando da menina há algum tempo, levando-a para um matagal próximo ao lixão do povoado. Às vezes, pagavam quantias que variavam de R$ 10,00 a R$ 15,00 para que ela se calasse. Os policiais tomaram conhecimento do crime através de uma denúncia anônima, feita na sexta-feira (12)

Após a vítima confirmar o abuso, a equipe da Delegacia de Araci localizou e prendeu inicialmente Tinho e, posteriormente, Gui.

A dupla foi levada à unidade policial e ouvida pelo delegado titular Getúlio Leal Paranhos Queiroz, na presença de representantes do Conselho Tutelar. Tinho confessou ter abusado cinco vezes da menina, enquanto Gui declarou tê-la atacado duas vezes. O delegado solicitou a prisão provisória dos envolvidos, já decretada por 30 dias, pela juíza da Comarca de Araci, Lídia Isabela Gonçalves de Carvalho Lopes.


A justiça determinou que a vítima fosse submetida a exames na unidade do Departamento de Polícia Técnica (DPT), em Serrinha.

Fonte:Blog do Clériston

Feira de Santana:Deficiente físico preso com 1,6 KG de crack e um pé de maconha

O deficiente físico Robson Lopes de Araujo, 28 anos foi preso na tarde desta quarta-feira (17/11), ), por policiais do Serviço de Investigação da Delegacia de Tóxicos Entorpecentes (DTE), no bairro Campo do Gado Novo, com 1,6 Kg de crack e um pé de maconha.

Ele foi flagrado com Um quilo e Seiscentas Gramas de Crack , um pé de maconha, que estava plantado no quintal da casa, além da quantia de R$ 4.529,00 Reais, com o deficiente os policiais também apreenderam um menor infrator de 15 anos e uma menor de 17 anos.

O coordenador Fábio Lordello afirmou para reportagem que, a prisão do deficiente se deu após vários dias de investigações sobre o tráfico de drogas na cidade e em especial no bairro Campo do gado Novo. “O S I da DTE estava investigando o tráfico de crack na localidade, onde as investigações apontaram que ele seria o traficante, onde trabalha para o Juninho (traficante que está preso no presídio após queimar e matar cinco pessoas de uma mesma família nas baraúnas).

Lordello afirmou ainda que, “Tínhamos informações que aconteceria uma entrega de crack naquele momento e fomos ao local e conseguimos prender. Onde também apreendemos dois menores que participam do tráfico de drogas, hoje os traficantes estão usando os menores para traficar, como podemos acompanhar que nos últimos dias, os números altos de envolvimento de menores no tráfico de drogas”.

Na delegacia, o deficiente alegou que é “apenas” usuário de drogas e disse que a droga não o pertencia. “Eu não sei como encontraram essa droga aqui e essa quantidade de dinheiro e quanto ao pé de maconha, ele nasceu ai, não fui que eu plantei, apareceu aqui no quintal, ai a mim não iria jogar fora”.
Ele foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, enquanto os dois menores foram encaminhados para Delegacia do Adolescente Infrator (DAÍ).

Fonte:Rota Policial

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Drogas vindas do DF abasteciam Itaberaba

Ailton Santos da Silva"Vermelho" e Mauro Pedro Azambuja

Apontado como um dos maiores traficantes da região de Itaberaba, a 274 quilômetros de Salvador, Ailton Santos da Silva, o “Vermelho”, 36, foi recapturado, nesta terça-feira (16), por investigadores da delegacia local. Foragido de Brasília, onde foi condenado a 23 anos de prisão pelo crime de homicídio, “Vermelho” estava na companhia do primo Mauro Pedro Azambuja, 35, também preso na ação. Os dois foram autuados em flagrante por uso de documento falso.

Investigações empreendidas há alguns meses sob o comando do delegado Marcos Diógenes Lopes Maia, titular da Delegacia de Itaberaba, mostraram que “Vermelho” e o primo são responsáveis pelo transporte de drogas entre Brasília e Itaberaba. Utilizando-se de fundos falsos em veículos diversos, os dois traficantes abasteciam a região, trazendo as drogas da capital federal. No momento da prisão, foram encontradas com “Vermelho” cartuchos para armas 9mm, calibre de uso restrito no Brasil.

Fonte:SSP BA

Amazonas:Policiais Federais morrem após troca de tiros com traficantes

Chico Reis/Arquivo Pessoal
Segundo a PF, os barcos à disposição da PF no AM são inapropriados

Dois policiais federais foram mortos em troca de tiros com narcotraficantes durante a madrugada desta quarta-feira (17) entre os municípios de Anamã e Anori, próximo de Codajás (a 240 km a oeste de Manaus). Os agentes integravam uma equipe da Polícia Federal que tentava abordar uma embarcação que carregava cerca de 500 kg de cocaína.

Durante a ação, homens fortemente armados que estavam em outro barco abriram fogo contra os policiais federais. Houve troca de tiros e três policiais foram atingidos. Dois deles morreram.

Segundo a PF, os barcos à disposição dos policiais federais para o enfrentamento do crime nos rios do Estado do Amazonas são inapropriados. Nenhuma das embarcações é blindada e os motores não têm potência suficiente para concorrer com as modernas embarcações dos criminosos.

Fonte:noticias.r7

PF desarticula quadrilha internacional em seis estados


A quadrilha desbaratada pela Operação Deserto, da Polícia Federal, nesta quarta-feira (17/11) transportava cocaína na fuselagem e nas asas de aviões. Segundo a PF, em cada voo era possível transportar até 250 quilos da droga. Duas aeronaves foram apreendidas na operação: uma em Mato Grosso do Sul, ainda no mês de setembro durante as investigações, e uma nessa quarta-feira, em Penápolis, no inteior de São Paulo.

A operação cumpriu mandados de prisão e de busca e apreensão em seis estados - São Paulo, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul. Inicialmente, a PF chegou a informar que operação seria realizada apenas em quatro estados. A quadrilha formada por brasileiros, colombianos, bolivianos e europeus, estava baseada na capital paulista e era especializada no tráfico internacional de entorpecentes. Segundo a PF, a droga vinda da Bolívia era enviada para a Europa e África. O produto também era, em menor escala, distribuído no Brasil.

Até as 12h desta quarta, 22 pessoas foram presas, sendo 17 apenas no estado de São Paulo. Uma pessoa está foragida e outras sete são procuradas pela Interpol. Em dez meses, a quadrilha movimentou R$ 28 milhões, segundo a PF.

Dos 50 mandados de prisão, 42 foram cumpridos - 22 nesta quarta e outros 20 ao longo das investigações que duraram 18 meses. A Operação Deserto cumpre ainda 38 mandados de busca e apreensão. As investigações contaram com a cooperação de organismos policiais de países da América do Sul e Europa. Neste período, 21 pessoas foram presas em flagrante e foram apreendidos 2.355 quilos de cocaína; produtos químicos e maquinários destinados à preparação e adulteração de drogas; armas e munições, incluindo armamento bélico – dez granadas anti-tanque; 33 veículos; uma aeronave avaliada em R$ 250 mil; e aproximadamente R$ 500 mil.

Nesta quarta, mais uma aeronave foi apreendida, além de carros. Alguns deles tinham um compartimento secreto no painel que transportava até 40 quilos de cocaína. Segundo a Polícia Federal, a quadrilha era encabeçada por um assessor parlamentar de Pereira Barreto, no interior de São Paulo, e um proprietário de revendas de automóveis na capital paulista. Os dois foram presos nessa quarta-feira. “Eles coordenavam as operações”, disse o delegado Ivo Roberto Costa, que liderou a ação policial. Ele afirma que até agora não há indícios de que a quadrilha esteja ligada a outros grupos criminosos.

Os presos serão indiciados, de acordo com suas participações, pelos crimes de tráfico internacional de cocaína, precursores químicos e maquinários destinados à preparação e adulteração da droga; associação para o tráfico; financiamento do crime de tráfico; e tráfico internacional de arma de fogo de uso restrito.

Fonte:Rota Policial

São Paulo:Em 5 anos, total de revistas policiais sobe 65%

Abordagem da Rota /Inclusão Foto Boletim Policial

Ser parado no meio da rua e tratado como suspeito, ouvir ordens, passar pela incômoda revista de homens armados e fardados. A abordagem, considerada o momento mais tenso da relação entre policiais e a população, não para de crescer em São Paulo e é atualmente o carro-chefe da Polícia Militar (PM) em termos de combate preventivo ao crime. A expectativa é de que até o fim do ano mais de 11 milhões de pessoas tenham sido paradas e revistadas por PMs no Estado, o equivalente a quase 30% da população.

Desde 2005, a média de abordagens registrada no Estado por mês subiu 65%, passando de 565 mil para 930 mil revistas. A tendência é de que esse número continue a crescer. Para amenizar ressentimentos das partes envolvidas nesses episódios, algumas medidas estão sendo adotadas.

No aniversário de 40 anos das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota), em outubro, seu comando distribuiu panfletos com orientações a serem seguidas pelos moradores de São Paulo quando forem abordados por policiais. Entre os conselhos do texto preparado pela Rota estão "mantenha a calma", "seja educado sempre" e "esqueça o ‘você sabe com quem está falando?’".

Mas o foco principal das mudanças são os próprios policiais. Uma campanha vem sendo preparada pelo Centro de Comunicação Social da PM, em parceria com a entidade Instituto Sou da Paz e com estudantes da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), voltada principalmente para o público interno.

"A abordagem é o principal cartão de visitas da polícia e por isso é necessário que esse momento não se transforme em uma ação vista como abusiva. A ideia da campanha é conseguir mostrar isso ao policial que está na rua", diz o diretor do Sou da Paz, Denis Mizne. Para receber críticas e sugestões, o grupo colocou no ar o blog abordagempm.blogspot.com

Fonte:ultimosegundo.ig

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Mundo:Tailândia extradita suposto traficante de armas para os EUA

A Tailândia extraditou nesta terça-feira para os EUA o russo Viktor Bout, 43 anos, acusado pelo governo americano de ser um dos maiores traficantes de armas do mundo. Preso em Bangcoc em 2008, em uma operação conjunta entre EUA e Tailândia, Bout tentava evitar a extradição com a ajuda do governo russo, que considerou a ação tailandesa "ilegal".

"A extradição ilegal de V.A. Bout foi resultado de pressão política sem precedentes dos Estados Unidos", afirmou o Ministério de Relações Exteriores russo, em comunicado. "É profundamente lamentável que as autoridades tailandesas tenham cedido à pressão política do exterior e realizado essa extradição ilegal", disse o ministério, acrescentando que a Rússia continuará dando apoio a Bout.

Foto: © AP

Viktor Bout chega a aeroporto em Bangcoc, de onde partiu para os EUA

A chancelaria russa vinha dizendo que a extradição poderia abalar as relações entre Moscou e Washington. A Justiça tailandesa já havia autorizado a medida, mas o Poder Executivo poderia barrá-la se entendesse que isso seria nocivo para as relações internacionais.

Um advogado de Bout disse que a extradição foi uma violação das garantias processuais, já que o acusado aguardava um novo julgamento na Tailândia. Bout declarou no passado que as acusações contra ele são uma "fantasia norte-americana" e insistia ser um empresário inocente. Suas finanças e deslocamentos eram alvo de várias sanções dos EUA e da ONU.

Uma autoridade tailandesa disse que a extradição de Bout não deve abalar as relações do seu país com a Rússia. "É um dilema político para a Tailândia, mas devemos nos ater ao devido processo judicial", disse Thawil Pliensee, secretário-geral do Conselho Nacional de Segurança do país. "Acho que a Rússia irá entender."

Ex-agente

Bout foi apelidado no ocidente de "mercador da morte". O filme "Senhor das Armas", estrelado por Nicolas Cage em 2005, foi parcialmente inspirado na trajetória do empresário russo. Supostamente atuando há mais de 15 anos como vendedor de armamento pesado, Bout teria envolvimento em alguns dos piores conflitos da história mundial recente. Ele é suspeito de ter fornecido armas para líderes polêmicos como Charles Taylor, ex-presidente da Libéria, e Muamar Khadafi, da Líbia, além de ter abastecido diversos grupos guerrilheiros na América Latina e no sul do continente africano.

Acredita-se que Bout teria sido agente da inteligência russa no passado e que poderia comprometer os interesses de Moscou caso venha a fechar algum acordo de delação premiada com a Justiça americana. Especula-se que, nesse caso, Bout poderia expor a participação de setores dentro do Exército russo no comércio internacional ilegal de armas.

Captura

Na captura de Bout, em março de 2008, agentes americanos se fizeram passar por militantes da guerrilha colombiana FARC interessados em comprar armamentos para atacar americanos. Os agentes disfarçados se encontraram com Bout em um hotel de luxo de Bancoc e gravaram o russo negociando a venda.

Moscou apoia Bout e nega que ele seja um traficante de armas. Segundo o Kremlin, o russo é um negociante honesto, que teria feito fortuna com uma companhia de transporte de cargas. A esposa de Bout afirma que ele estava em Bancoc em 2008 para participar de um curso de culinária tailandesa.

Fonte:ultimosegundo.ig

Irecê:10 Presos Fogem da Cadeia Publica

Corda de Lenções"TERESA"utilizada na fuga

A cadeia pública de
Irecê, cuja unidade fora construída para comportar 28 (vinte e oito)pessoas presas e já chegou ao ponto de custodiar 130 (cento e trinta ) presos. sendo que ultimamente a população carcerário de Irecê era de aproximadamente 60 presos, semana passada aconteceu uma tentativa de fuga, sendo interrompida pelos agentes de plantão.


Na madrugada de Domingo para Segunda - Feira última , na mesma cela onde ocorreu um inicio de escavação, tendo sido isolada a referida e provavelmente no momento em que fora determinada o Recolhimento do banho de sol do presos, dez (10) deles se esconderam no interior da cela nº 03 onde havia o inicio da escavação.

Os presos que fugiram aproveitam o isolamento da cela, deram continuidade a escavação saindo para o local de banho de sol, utilizaram uma "Teresa" e conseguiram empreender fuga.

São Eles:
JOSÉ CARLOS LOPES DE SOUSA (homicida)
HERMES CLÉRISTON XAVIER(assaltante)
JOÃO PAULO BARBOSA DA SILVA (assaltante)
AMAURI SOUZA BORGES (assaltante)
LUCIANO DOS SANTOS RAMOS (prisão decretada em S.Paulo-
SP),

MAURO AUGUSTO DE OLIVEIRA (traficante)
ELIELSON PEREIRA CARQUEIJA (homicida condenado)
DELEON NOGUEIRA SANTOS responde por furto

JULIANO DILO DA SILVA (homicida)
ALBERTINO GOMES DA SILVA FILHO (homicida) .

Fonte:ESEQUIAS DOURADO DRT 4182/99-BA./Blitz Total

Sr do Bonfim:PRF Divulga balaço da "Operação Plocamação da República "

Ilustração Boletim Policial

A Policia Rodoviaria Federal , divulga o Resultado da" Operação Proclamação da Republica" 2010, Realizada pela Delegacia 10/04 em Senhor do Bonfim,com circunscrição na BR 407, km 00 ao km 230 Juazeiro - Capim Grosso , e BR 324, km 356 ao km 444 Capim Grosso - Riachão do Jacuípe, dos dias 12/11 a 15/11/2010:

TOTAL DE VEÍCULOS FISCALIZADOS - 380

TOTAL DE NOTIFICAÇÕES: 59 , sendo elas:

CNH (SEM CNH, VENCIDA, CATEGORIA DIFERENTE - 07
ULTRAPASSAGENS PROIBIDAS - 22
TRANSPORTE IRREGULAR DE PASSAGEIROS - 02
USO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS - 01
CINTO DE SEGURANÇA - 02
EQUIPAMENTOS OBRIGATÓRIOS - 04
OUTRAS NOTIFICAÇÕES - 21
TESTES COM ETILÔMETROS ("BAFÔMETROS") EFETUADOS - 231
PESSOAS DETIDAS POR EMBRIAGUEZ AO VOLANTE - 01
PESSOAS DETIDAS POR OUTROS MOTIVOS - 01


ACIDENTES SEM VÍTIMAS - 01
ACIDENTES COM VÍTIMAS - 01
QUANTIDADES DE FERIDOS - 02
QUANTIDADES DE MORTOS - 00

OCORRÊNCIAS:

Em Senhor do Bonfim, km 117 da BR 407 Área do Posto PRF , às 15:45h do dia 14/11/2010, foi preso Antonio Fernandes de Paiva, 54 anos, condutor do veículo VW/Gol Mi, Placa Policial JMY - 6360 BA, por dirigir sob influência de álcool. Ocorrência encaminhada à Polícia Civil Local.


Em Senhor do Bonfim, km 117 da BR 407 Área do Posto PRF , às 20:30hdo dia 14/11/2010, foi preso Lucio Ricardo Colono Fraiolli, 35 anos, condutor do veículo Scania-R124 GA4X2NZ 420, Placa Policial BXE 3814-SP, por possuir mandado de prisão em aberto. Ocorrência encaminhada à Polícia Civil local.

A operação Proclamação da República 2010, Realizada pela Delegacia
10/04 – Sr. Do Bonfim, obteve êxito, porque só foram registrados 02 acidentes, com um total de 02 feridos.

No combate a criminalidade, um condutor foi preso por dirigir sob efeito de álcool, e outro por estar com mandado de prisão em aberto. Foram Realizados 231 testes com etilômetros da Delegacia.

Das 59 notificações de trânsito extraídas, a maioria foi de ultrapassagens proibidas, infração de trânsito que contribui para que os acidentes ocorram.

Fonte:Ispetor Lopes Junior Delegacia 10/4 PRF

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Mirangaba:Guardas Municipais concluem cursos do 21º Ciclo EAD/SENASP

Os GMs e seus devidos certificados

Mais 12 prepostos da Guarda Municipal de Mirangaba,foram devidamente aprovados no 21º ciclo de cursos EAD/SENASP, ensino a distancia da Secretaria Nacional de Segurança Publica.

O Segundo ciclo de cursos foi oferecida 200 mil vagas para profissionais da Área de Segurança Publica em todo o Brasil,os Cursos tiveram inicio em Setembro de 2010 e Enceramento em Outubro,foram 56 cursos em diferentes áreas ,como Identificação Veicular,Preservação de Local de crime,Enfretamento a Crimes de Exploração Sexual,Gestão de Projetos, Combate a Violência, e Outros.

Com a conclusão deste ciclo 30% do efetivo da Guarda Municipal de Mirangaba,já esta certificada em algum curso da EAD/ SENASP."A Intenção é que todos os prepostos se dediquem a este processo de capacitação,para que possamos melhor servir a comunidade, disse um GM"



Jacobina:Acidentes de Grandes proporções envolve 05 veiculos na BA 131

A C-10 encontrava-se no acostamento
o Veiculo uno da 2ª Colisão
C-10 e D-20 Veículos da 1ª Colisão

Nesta Sexta Feira 12/11 por volta das 18/30 h, na Ba 131 que liga a Cidade de Miguel Calmon a Jacobina,aconteceu um acidente de grandes proporções envolvendo 05 veículos, segundo Informações uma C-10 de Placa Policial JMH-0871,estava estacionada no acostamento da via sentido Jacobina próximo a entrada do Velame,quando uma D-20 de cor bege de Placa Policial JMF-5487,colidiu violentamente na traseira da C-10,Rodando e depois capotando em cima da pista, um uno de cor prata de Placa Policial JMW-9668,que vinha Logo atrás da D-20 não conseguiu parar e colidiu na lateral da D-20,após solicitação uma Guarnição do PETO(Pelotão Tatico Especial) juntamente com prepostos da PRE (Policia Rodoviaria Estadual),se dirigiram ao Local do acidente para prestar socorro as vitimas e faser a devida sinalização da via,após 30 minutos e Realizado os primeiros procedimentos com a via já sinalizada,uma F-4000 chegou ao Local para fazer o transbordo da carne que estava na C-10,após estacionada um outro veiculo VW Voyage de cor cinza,colidiu na traseira da F-4000,provocando mais hum acidente,as vitimas foram conduzidas para as unidades de saúde em Jacobina e os veículos Removidos para o pátio do posto da PRE,para as devidas providências administrativas,sendo que não houve vitimas fatais.

Rio:Treinamento duro para entrar na Core, elite da Polícia Civil

Até o fim de 2007, por cinco anos, Gabriel Lott morava na Ilha de Córsega, combatia milícias nas ex-colônias francesas na África e tinha outro nome, que constava de documentos como sua identidade e carteira de motorista. Saía da base militar apenas uma vez por ano e recebia mensalmente cerca de 1.800 euros – R$ 4.215,60, pela cotação desta sexta (12).

Foto: Fabrizia Granatieri Gabriel Lott foi da Legião
Estrangeira, na França, por cinco anos e acaba de entrar na Core, porque gosta da adrenalina do combate

Parece vida de um filme ou livro, mas era a realidade do ex-integrante da Legião Estrangeira, hoje policial da Core, em treinamento. Inicialmente formada por ex-criminosos, a Legião mantém a tradição de mudar a identidade de seus membros.

Ex-soldado da Brigada Para-quedista e da família do general Henrique Lott – que concorreu à presidência da República em 1960 –, Gabriel desistiu da vida militar, mas não do gosto pela emoção. “Acho que vou ter mais ação aqui”, diz ele, que tem amigos na Core.

Formado em Educação Física, fez concurso para a Polícia Civil em 2008, foi chamado há um mês – nem sequer está formalmente nomeado – e já se candidatou para a unidade mais operacional e perigosa, a Core.

“Ganhava mais, mas estava trabalhando de terno e gravata... Não era para mim”, disse Gabriel.
Até domingo (14), por duas semanas, ele estará com mais 14 policiais participando do Curso de Operações Policiais (COP) da Core.

Curso básico nivela policiais de fora

O COP é um curso básico que tem o objetivo de nivelar policiais de outras unidades que querem atuar na Core e reciclar agentes da unidade – caso de dois policiais que fazem a escolta de um juiz. “É um treinamento curto, e o curso é criado para dar um padrão para trabalhar na Core. É uma preparação rápida, urgente, mas que cobre tudo e busca aperfeiçoar a técnica do policial”, afirmou o coordenador do COT, Paulo Cezar de Oliveira. Dos 17 que começaram, dois tinham desistido até a sexta-feira (12).

Na quinta-feira, os policiais fizeram atividades físicas pela manhã e treinaram tiro policial e invasão tática de locais confinados, no estande da Polícia Civil, no Caju. Como a área é vizinha à favela Parque Alegria – dominada pelo tráfico –, a chegada e a saída, à noite, são momentos de estresse e feitos com escolta.
O treinamento mais avançado da Core é o Curso de Operações Táticas Especiais (COTE), com seis semanas de duração e ainda mais exigente. É uma variação do COEsp (Curso de Operações Especiais Policiais), do Bope – retratado no filme Tropa de Elite.

Foto: Fabrizia Granatieri PC (à esquerda), diante
da tropa em forma, conversa com o xerife da turma do curso da Core

Paulo Cezar de Oliveira, o PC, coordena o COP, que já está na 11ª edição e já formou muitos policiais de outros Estados. “A diferença para o COTE é que as partes física e de estresse são mais puxadinhas, o treinamento é mais demorado em cada uma das etapas e cobre mais atividades”, disse.

Além de ser voluntário, para fazer o COTE e entrar para a Seção de Operações Táticas, o policial precisa ser aprovado em uma prova física que inclui: corrida de 7.500 metros em 41 minutos, oito repetições de barra, cinco repetições de barra com 10kg presos ao corpo, 30 flexões em um minuto, 30 abdominais em um minuto, 800 metros de natação em 26 minutos no mar, 100 metros de natação em 2min10seg e flutuação equipada (vestido operacionalmente, com gandola, calças e coturno), por 15 minutos.

São abordadas operações marítimas, rapel, escalada, sobrevivência e combate na mata, progressão em área de risco, luta, tiro tático, explosivos e gerenciamento de crise, entre outras.

Alunos do Curso de Operações Policiais da Core fazem flexões durante treinamento
Foto: Fabrizia Granatieri

Alunos do Curso de Operações Policiais da Core fazem flexões durante

treinamento

Fonte:ultimosegundo.ig